O Blog: Apropriadamente Reservado

“O que é estar apropriadamente reservado?

Gostava que fosse estar de maneira pertinente e adequada à reserva de algo. Uma situação com propósito, decisão e intenção. Algo estoicamente apaixonante, inamovível na intempérie do mar.

Na verdade, não é nada disso.

Trata-se de estar sentado a uma mesa onde mais ninguém se pode sentar. Como quem janta sozinho na teimosia de que talvez até ao final da refeição a promessa possa aparecer.
É estar num sítio onde me revezo em todas as dimensões em que apareces.

É o sítio onde uma pedra pode ser sol e onde a cera pode ser mais bonita depois de derretida.”

Este blog conta várias histórias, algumas reais e outras não, mas todas escritas por mim. Fala de amor, sexo, álcool, solidão e arte. Tudo o que é bom e que dá vontade de escrever.

Anúncios